Páginas

4 de setembro de 2012

Piquenique de agosto de 2012 em setembro


Só percebemos que agora tem luz na praça porque ficamos até de noitinha. A chuva faz falta, mas no dia do piquenique ninguém reclama. Vieram os de sempre, os de perto, mas também os de longe como o Isaac e a Juliana. E, pela primeira, vez a Carol e o Rodrigo, que também moram perto. A Adrianne andava sumida, mas reapareceu com a toalha xadrez bordada com passarinhos. Animado estava o Exército de Drummond.  Marcos tirou erva-de-passarinho da goiabeira e as crianças fizeram bolinhas de argila com sementes. Algumas se empolgaram em coletar sementes de ipê, paineira e eritrina para fazer as cápsulas de barro que secaram ao sol. Outras preferiram continuar salvando pitangueiras. Aninha foi a que mais trabalhou comigo nas bolas. Chus ensinou Clara a fazer crochê, Priscila dormiu na rede e Marcos, no tapete. A comida toda estava muito gostosa e tomamos o vinho da Kelly em canecas de plástico quando a luz do poste se acendeu. Veronika e seus meninos continuam fazendo falta. Contagem regressiva: faltam 4 piqueniques para estarem de volta.  






































6 comentários:

  1. Adorei o blog! Eu tenho o privilégio de morar em frente a uma belíssima praça na cidade de São José dos Campos, e já planejei inúmeras vezes de fazer um piquenique aqui, mas por incrível que pareça, só escuto sempre meus convidados dizerem "o que os vizinhos vão pensar?"... Fico boba com essa preocupação... Bom, pelo menos já convenci de fazer um piquenique num parque aqui perto tbém, mas só pq lá todo mundo faz...mas uma hora dessas eu faço aqui na praça, nem que seja sozinha...!!! Abraço!!

    ResponderExcluir
  2. Lia, faça, sim. Na "nossa" praça também, ninguém faz. Mas aos poucos as pessoas começam a gostar da ideia. Um abraço, N

    ResponderExcluir
  3. Neide, que incrível! Eu sou o Flávio, do Paladar... que coincidência topar com você por aqui! Eu e a Renata, minha esposa, estamos procurando informações de lugares para fazer piqueniques com os amigos aqui em Sampa e acabamos encontrando o blog de vocês via Google. Achei o máximo o que vocês fazem como conteúdo do piquenique, isto é, não apenas o encontro e a comida, mas as atividades manuais, de descanso, de lazer, os "trabalhos" com as crianças... Queremos fazer ainda nesse ano, mas ainda não encontramos um local que concilie as vontades todas (lazer para as crianças, segurança, banheiros etc), mas o blog mostra que não é preciso muito para se divertir com qualidade. Amei!!! Ou melhor, amamos, eu e a Renata!!! Bjs e parabéns pela iniciativa de vcs, continuem com o piquenique perto de casa!!! Bjs e até dia 27/11.

    ResponderExcluir
  4. flávio e renata, tenho certeza que o melhor lugar para fazer um piquenique perto de casa é perto de casa. muita gente perto de onde nós moramos prefere fazer piquenique no parque villa lobos para poder contar com isso e aquilo. mas não tem isso e aquilo que substitua a alegria de poder ir a pé, e encontrar vizinhos, e conhecer vizinhos. todo o resto vem de agregado. bons piqueniques perto da casa de vocês também. tenho certeza que depois a neide também responde, com mais poesia. veronika

    ResponderExcluir
  5. Flávio, que coincidência! Pois é, como disse a Veronika, a gente acha o máximo poder ir a pé, simplesmente para encontrar o amigos fora de casa. Na "nossa praça" não tem nada de muito especial além de uma grande árvore que as crianças chamam de castelo e um monte de outras com flores, frutos, sementes, e uns poucos brinquedos. Tem grama e sombra, onde podemos estender a toalha. E tem os amigos e a comida. O resto fica por conta da inspiração. As crianças, estando juntas, sempre encontram o que fazer. Faz falta, sim, um banheiro, mas como a gente faz piquenique perto de casa, é fácil resolver. Bom piquenique pra você e Renata!. Um beijo, N

    ResponderExcluir
  6. Amei a ideia. Parabéns!!!! Gostaria de participar de um piquenique de vcs. Qdo será o próximo?

    ResponderExcluir

Agradecemos seu comentário. Se você não tem blogue nem gmail, comente assim mesmo. Quando aparecer "Escolher uma identidade" logo abaixo da caixinha de comentários, clique na última opção (anônimo). Mas, deixe seu nome, por favor, e se quiser, deixe também seu email. Abraços, Neide, Fabiana e Veronika